blog

EHS: O papel da Saúde e Segurança do Trabalho

EHS: O papel da Saúde e Segurança do Trabalho

A principal preocupação de gestores da indústria geralmente está relacionada ao aumento da produtividade. Para isso, há investimentos em equipamentos, novas tecnologias e metodologias como o Lean Manufacturing.

Tudo isso é muito importante para o sucesso de qualquer empresa. No entanto, são as pessoas que representam a peça mais importante de uma organização. Assim, buscar aumento de produtividade também significa garantir boas condições de trabalho aos colaboradores.

Nesse sentido o EHS tem um papel fundamental. Meio-ambiente, saúde e segurança do trabalho são os principais pilares que sustentam uma boa experiência de um funcionário em seu local de trabalho.

 

O que é EHS?

A sigla vem do inglês Environment, Health and Safety, que significa Meio-ambiente, Saúde e Segurança. Trata-se de uma disciplina ou área da empresa que implementa ações para garantir proteção e segurança ambiental no trabalho.

Em linhas gerais, tudo aquilo que as organizações devem fazer para garantir que suas ações não causem danos a ninguém entra em EHS. Portanto, essa área busca deixar o ambiente de trabalho mais seguro e agradável. Para isso, os gestores precisam conhecer muito bem as leis trabalhistas e garantir que elas sejam cumpridas.

Também faz parte dessa área educar os colaboradores para que eles também apliquem as boas práticas. Para isso, além de replicar o conhecimento, é preciso engajar os funcionários para que eles entendam a importância de se preocupar com segurança e saúde e contribuam com um ambiente com menos acidentes e afastamentos.

 

Como aumentar a produtividade com o EHS?

Uma boa gestão de riscos ambientais, de saúde e segurança pode ajudar qualquer empresa a melhorar seu desempenho. Para isso, é fundamental o apoio de todos os colaboradores. Nesse sentido, gestores precisam buscar boas práticas que envolvam diretamente os funcionários. Algumas das possíveis ações são:

 

Produção de relatórios e liderança comprometida

Quem está acima na hierarquia corporativa precisa mostrar comprometimento com o EHS. Assim é fundamental dar o exemplo e mostrar qual tipo de comportamento eles esperam no que diz respeito a saúde, segurança e meio-ambiente.

Um passo importante é criar e divulgar relatórios com informações relevantes sobre acidentes e resultados das ações de EHS. A partir desses dados, o gestor pode reconhecer e recompensar os colaboradores que tiveram comportamentos alinhados com a política da empresa para EHS.

 

Identificação de Riscos

Os profissionais que atuam com EHS devem garantir que as Normas Regulamentadoras sejam cumpridas rigorosamente. A própria legislação aponta para três tipos de ações que para evitar os riscos – devendo seguir essa ordem de prioridade:

1- Ações administrativas

O primeiro passo é eliminar a possibilidade de riscos à saúde dos colaboradores. É o caso, por exemplo, de trocar um equipamento por outro que seja mais seguro.

2- Ações coletivas

Caso não seja possível eliminar possíveis agentes de risco, o segundo passo é criar ações de prevenção coletiva. A instalação de exaustores na fábrica para evitar possíveis contaminações é um exemplo.

3- Ações Individuais

Por fim, só em último caso deve-se optar pelas proteções individuais. O exemplo mais clássico são os EPIs, também sendo responsabilidade do EHS garantir o uso desses equipamentos.

 

Uso de Tecnologia

A Indústria 4.0 trouxe diversas inovações para aumentar a produtividade no chão de fábrica. Geralmente elas estão relacionadas às máquinas, trazendo automatização e maior eficiência.

No entanto, também é crescente o número de softwares lançados para ajudar na gestão de pessoas. Hoje já existem plataformas especialmente pensadas para o gerenciamento de EHS, por exemplo.

Entender o comportamento dos colaboradores é fundamental para identificar riscos e melhorar as ações de EHS. No entanto, só com investimento em tecnologia é possível capturar dados reais e revelar pontos cegos para os líderes de EHS.

 

 

Como a Novidá auxilia na implementação do EHS

É importantíssimo identificar possíveis riscos em tempo real, ou ainda antes que eles aconteçam. Porém, em uma grande fábrica é impossível olhar para tudo o que acontece sem o auxílio da tecnologia.

Pensando nisso, a Novidá desenvolveu uma solução de geolocalização indoor que auxilia na aplicação das boas práticas de EHS. Por meio de beacons e sensores, monitoramos a movimentação de colaboradores durante suas jornadas produtivas.

Dessa forma, além de medir tempos e movimentos, é receber e enviar alertas em tempo real caso algum colaborador entre em uma área de risco, por exemplo. Além disso, é possível enviar em lembretes automatizados sobre EPIs e medidas de segurança quando um funcionário for realizar alguma tarefa específica.

Grandes empresas como Gerdau, FCA e Boticário já testaram nossa solução e melhoraram a gestão de suas equipes operacionais. Acesse nossos cases de sucesso e veja como também podemos ajudar sua empresa.

 

Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook

Calculadora de Desperdícios

Descubra quantos milhares de reais sua empresa perde com desperdícios.

Cases de Sucesso

Diversas marcas e empresas já se beneficiaram de nossa plataforma. Conheça casos reais que Novidá atuou.

Gostou do conteúdo?

Cadastre-se em nossa newsletter

Siga-nos nas
redes sociais

Veja também

error: Conteúdo protegido!
Queremos ajudar sua empresa

Fale Conosco

Endereço

CUBO – Alameda Vicente Pinzon, 54 – Vila Olimpia
São Paulo / SP / Brasil