x

Queremos ajudar sua empresa

Fale conosco

  • Endereço

    CUBO - Alameda Vicente Pinzon, 54 - Vila Olimpia
    São Paulo / SP / Brasil

Blog

Treinamento e Desenvolvimento: 4 dicas para aplicar

Treinamento e Desenvolvimento

Sempre dizemos aqui no blog que os colaboradores são o principal ativo de uma empresa. Afinal, são eles que movem a companhia, realizam os processos e garantem a execução das atividades. É por isso que ter profissionais qualificados é essencial para qualquer companhia que visa crescimento.

É importante ter em mente, no entanto, que essa qualificação não vem só do meio acadêmico ou de experiências anteriores. Em um mercado cada vez mais volátil e competitivo, os funcionários precisam estar sempre estudando e aprendendo novos conceitos.

As organizações têm papel fundamental nessa qualificação. Por meio do treinamento e desenvolvimento, elas podem ter colaboradores mais aptos a realizar as tarefas necessárias, tornando todos os processos bem mais otimizados.

 

O que é Treinamento e desenvolvimento?

O treinamento e desenvolvimento são um conjunto de práticas promovidas pela empresa para capacitar e qualificar os seus profissionais, podendo ter objetivos a curto ou longo prazo.

Com a implementação da transformação digital em empresas de diferentes segmentos, a rotina dos colaboradores está em constante mudança. Ou seja, independente do segmento, sempre há uma nova metodologia, tecnologia ou uma nova maneira de produzir. É por isso que o treinamento e desenvolvimento têm sido muito procurado pelas empresas.

Quando falamos de treinamento, geralmente nos referimos a programas de curta duração, que têm o objetivo de qualificar os profissionais para tarefas que eles já executam nas empresas. Trata-se, portanto, de ações pontuais para resolver necessidades imediatas.

Já o desenvolvimento está relacionado a programas cujos resultados serão colhidos apenas em longo prazo. Geralmente eles são realizados em um processo de aprendizagem contínua – sem começo, meio e fim – e estão relacionados a temas como gestão do tempo, liderança e outras soft skills.

Um bom time de recursos humanos deve equilibrar programas de treinamento e desenvolvimento de acordo com as necessidades da empresa e dos profissionais.

 

Vantagens do treinamento e desenvolvimento

O treinamento e desenvolvimento traz enormes benefícios para as organizações e colaboradores. Talvez o principal esteja diretamente ligado a resultados: com programas efetivos de qualificação, a tendência é ter uma vantagem competitiva sobre a concorrência e serviços executados com maior qualidade. Isso impacta diretamente no consumidor final, que terá um produto/serviço melhor e mais rápido.

Além disso, você ainda tem colaboradores mais motivados para realizar o trabalho, já que eles percebem que a companhia se preocupa com o seu desenvolvimento profissional. Isso ajuda a criar um clima organizacional muito melhor, vai gerar diminuição no turnover da equipe e, novamente, melhores resultados para a empresa.

Por fim, o desenvolvimento auxilia na manutenção da liderança para o futuro. Toda empresa precisa pensar em como os cargos mais altos da hierarquia serão ocupados conforme o tempo passa. O ideal é que eles sejam preenchidos com funcionários da casa mas, para isso, eles precisam desde cedo passar por qualificações e desenvolvimento.

 

4 dicas para implementar um programa de treinamento e desenvolvimento

Mas afinal, como colocar tudo isso em prática? Separamos 4 dicas rápidas para te ajudar nessa missão:

 

1- Estude as áreas que mais precisam de treinamento

Antes de mais nada, a primeira tarefa do RH ao pensar em treinamento e desenvolvimento é olhar para a própria empresa, conversar com os gestores e avaliar quais são as áreas que precisam de melhor performance.

Mais do que identificar os maiores gargalos da empresa, é preciso fazer uma reflexão dos principais motivos que geram esses problemas. Por exemplo, se os líderes avaliaram que o número de acidentes da organização está alto, é preciso tentar entender se isso é ocasionado por falta de conhecimento dos funcionários ou simplesmente desorganização. Afinal, cada uma dessas hipóteses irá gerar diferentes tipos de treinamentos.

 

2- Encontre o melhor programa para sua equipe

Uma vez que você identificou o problema que precisa resolver, chega o momento de decidir a forma como você vai atacar essa dor. Os treinamentos podem ser online, presencial, dinâmicos ou mais tradicionais. Podem ser voltados a líderes ou aos profissionais que estão lidando diretamente com a operação.

Tudo depende do perfil da sua equipe e do problema que você quer resolver. Estude muito bem, conheça as empresas que oferecem esse tipo de treinamento, entenda o seu objetivo com o programa de qualificação e converse com toda equipe. Assim, aumentam as chances de tomar uma decisão mais assertiva.

 

3- Garanta a aplicação do conteúdo aprendido

De nada adianta o conhecimento ficar só na teoria. Os líderes precisam garantir que o conteúdo do treinamento e desenvolvimento seja aplicado na operação. Para isso, vale a pena acompanhar o trabalho dos colaboradores de perto e criar KPIs, processos e situações que garantam que a metodologia está sendo realmente implementada

 

4- Avalie métricas e resultados

Por fim, é importante levantar dados sobre a performance da equipe antes e depois do treinamento para entender quais foram os resultados reais da qualificação. Hoje já existem diversas tecnologias que podem ajudar nessa avaliação e trazer dados precisos sobre o desempenho de cada colaborador.

É importante entender como está a evolução e desenvolvimento dos funcionários até para avaliar quais serão os próximos treinamentos ou se os objetivos iniciais foram cumpridos.

 

Como a Novidá pode te auxiliar no treinamento e desenvolvimento

A Novidá desenvolveu uma solução de geolocalização indoor que acompanha a movimentação dos colaboradores durante sua jornada produtiva. Usando beacons, smartphones e sensores IoT, nossa plataforma monitora a localização de cada funcionário.

Assim, é possível calcular tempos e movimentos, verificar quais foram as atividades executadas e fazer uma melhor avaliação de desempenho. Rapidamente, é possível identificar gargalos e quais áreas precisam de um treinamento, por exemplo.

Além disso, você consegue garantir que os processos são executados da maneira correta e acompanha cada tarefa em tempo real.

Grandes empresas como Gerdau, FCA e Boticário já testaram nossa solução e tiveram grandes melhorias nas performances de seus colaboradores. Baixe gratuitamente nossos cases de sucesso e entenda como sua empresa também pode se beneficiar.

Veja mais!

Como a Novidá se encaixa na sua realidade, e implemente a ferramenta definitiva de supervisão digital de equipes operacionais no seu negócio!

Aplicações nos negócios

Entre em contato!

Quer entender melhor como funciona a solução? Envie uma mensagem e um consultor entrará em contato!

voltar ao topo